🔴 INTER DEU ADEUS À BOLSA BRASILEIRA E EU PERDI METADE DO MEU PATRIMÔNIO: VEJA DETALHES DO CASO REAL

Cotações por TradingView
2023-03-07T14:51:52-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
RISCOS DO PAPEL

Três fundos imobiliários despencam na B3 após calote de CRI; devedor promete quitar saldo ainda hoje

Os fundos deveriam ter recebido o pagamento de juros e amortização do CRI Circuito de Compras em 22 de fevereiro

Larissa Vitória
Larissa Vitória
7 de março de 2023
14:29 - atualizado às 14:51
Imagem mostrando casas de brinquedo enfileiradas, com uma seta vermelha que sobe e desce sobre os telhados. É um símbolo do desempenho dos fundos imobiliários (FIIs) | Dividendos RECR11 fundo imobiliário Maxi Renda MXRF11 KINP11 CPTS11
Fundos imobiliarios (FIIs) - Imagem: iStock

Os fundos Devant Recebíveis Imobiliários (DEVA11), Hectare CE (HCTR11) e Versalhes RI (VSLH11) iniciaram a semana com o pé esquerdo. Após anotarem os maiores recuos do IFIX — índice que reúne os principais FIIs da B3 — ontem, os fundos seguem em forte queda nesta terça-feira (7).

E o motivo por trás do mau desempenho é o mesmo para os três ativos: a inadimplência de um Certificado de Recebível Imobiliário (CRI) presente nos portfólios. 

Os fundos deveriam ter recebido o pagamento de juros e amortização do CRI Circuito de Compras em 22 de fevereiro. O título estruturado pela Forte Securitizadora foi emitido para financiar a construção de um shopping popular no Brás, bairro da capital paulista, e vence em junho de 2025.

Com o calote, os três fundos já acumulam quedas bruscas nesta semana. O maior recuo é o de 10% registrado pelo DEVA11, enquanto HCTR11 e VSLH11 caem 7,7% e 6,6%, respectivamente, desde a última segunda-feira (6).

Os tombos não são proporcionais à participação do CRI nos portfólios. Segundo o último relatório gerencial, o Hectare CE é quem está mais exposto ao título, com uma alocação que corresponde a 7,32% do patrimônio líquido.

Na carteira do Devant Recebíveis Imobiliários essa participação é de 4,88%, enquanto no portfólio do Versalhes RI a exposição do PL ao CRI é de 3,57%.

Fundos imobiliários devem receber pagamento ainda hoje

Em comunicado enviado à Vórtx, administradora dos três fundos imobiliários, a Fortsec informou que mantém contato com a emissora do CRI para esclarecer o inadimplemento e regularizar a situação financeira.

Vale destacar que, como é de praxe no mercado, o título oferece garantias para situações como essa. Entre elas, está a alienação de 90% da participação do devedor no empreendimento e a cessão dos recebíveis atrelados ao imóvel.

Mas, de acordo com a securitizadora, o acionamento dessas garantias não será necessário: a devedora comprometeu-se a quitar os valores devidos ainda hoje.

Procurada pelo Seu Dinheiro, a gestora do FII HCTR11 confirmou o recebimento do pagamento com atraso e os juros previstos no contrato.

Já a RCap, responsável pela gestão do VSLH11, afirmou que publicará, em conjunto com a administradora, uma nota sobre o tema mais tarde, após o fechamento do mercado.

A Devant Asset ainda não enviou um posicionamento oficial. Essa nota será atualizada caso a posição da gestora do FII DEVA11 seja recebida.

Compartilhe

Ursos à solta

Apostas na queda do S&P 500, principal índice de ações americano, estão no maior nível desde 2007, diz levantamento

4 de junho de 2023 - 12:08

Puxada por apenas sete big techs, alta do S&P 500 é considerada frágil pelo mercado, que mantém grandes posições vendidas no índice

DÉCIMO ANDAR

Fundos imobiliários: qual é o melhor setor para capturar a queda dos juros?

4 de junho de 2023 - 7:45

Alcançamos um momento oportuno para investimento em fundos imobiliários, com uma relação risco vs retorno favorável para a categoria

As melhores do mês

Itaú Top 5 é a melhor carteira recomendada de ações de maio, batendo o Ibovespa com folga; veja o ranking completo

3 de junho de 2023 - 17:03

Carteira recomendada do Itaú teve alta de 9,77% no mês, ante um ganho de 3,74% do Ibovespa, segundo o ranking da Grana Capital

Potencial

Empolgou: XP projeta Ibovespa em 130 mil pontos no final do ano; veja recomendações

2 de junho de 2023 - 11:36

Expectativa reflete a melhora nas perspectivas das taxas de juros futuras

PRIMEIROS DETALHES

IRB (IRBR3): dinheiro de acordo com autoridades nos EUA por fake news com Buffett será usado para compensar investidores; veja quem tem direito

2 de junho de 2023 - 10:09

Serão indenizados os investidores que venderam ações do IRB (IRBR3) em 4 de março de 2020; entenda por que a data é importante

MERCADOS HOJE

Bolsa agora: Ibovespa acompanha Wall Street e quase 2% na semana; dólar volta a ser negociado abaixo de R$ 5

2 de junho de 2023 - 7:13

RESUMO DO DIA: Com o teto da dívida pública caminhando e perto da sanção presidencial, as bolsas americanas tiveram mais um dia de comemoração. Além da redução do risco fiscal e de um eventual calote por parte do Tesouro, Wall Street também comemorou um mercado de trabalho mais forte do que o inicialmente esperado. Na […]

MERCADOS HOJE

Bolsa agora: Com PIB surpreendente e apetite por risco no exterior, Ibovespa sobe 2%; dólar cai

1 de junho de 2023 - 7:23

RESUMO DO DIA: A sessão foi marcada por surpresas positivas para os investidores. Enquanto no exterior o projeto que irá permitir ao Tesouro americano o seu funcionamento normal, sem calotes ou provisionamentos, caminha para o Senado mais rápido do que o esperado, no Brasil a grande surpresa ficou por conta da medição do PIB. Além […]

RANKING DOS FIIS

Fundos imobiliários ligados à Gramado Parks disparam até 39% e anotam as maiores altas de maio; veja os FIIs que mais caíram no mês

31 de maio de 2023 - 19:07

Uma das razões para o salto é o desempenho dos fundos de papel do tipo high yield, que entregam remunerações maiores em troca de um risco de crédito mais elevado

FIIS HOJE

Fundo imobiliário VILG11 faz venda milionária de galpão e deve distribuir dividendos maiores nos próximos meses; entenda

31 de maio de 2023 - 14:16

O ganho de capital resultará em um resultado caixa extraordinário de cerca de R$ 2,86 milhões, ou R$ 0,19 por cota, para o fundo

DONA DO SCPC

Boa Vista (BOAS3): Equifax dá quatro opções aos acionistas em oferta bilionária para tirar a empresa da B3

31 de maio de 2023 - 9:33

Dona do SCPC, a Boa Vista (BOAS3) recebeu no fim do ano passado uma oferta de compra de R$ 4,257 bilhões da Equifax, o equivalente a R$ 8 por ação

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies